imagem03-09-2021-16-09-45

Com a baixa umidade relativa do ar na região de Rio Preto e o clima quase desértico, os praticantes de atividade física devem redobrar os seus cuidados antes e durante os seus treinos. Tudo para que não tenham problemas de saúde durante essa estação do ano que está castigando a cidade. Quem faz o alerta é o educador físico, Alex Briani. Nessa época do ano é comum as pessoas apresentarem problemas respiratórios, pele ressecada, além de complicações alérgicas e irritação nos olhos. Nas últimas semanas, os moradores da cidade receberam vários alertas da Defesa Civil da cidade, informando sobre a baixa umidade relativa do ar. O recomendado pela Organização Mundial da Saúde fica entre 40 a 70%. Em Rio Preto, a umidade tem ficado abaixo dos 20%.

Briani, que mantém uma assessoria esportiva e conta com dezenas de alunos na cidade, dá algumas dicas para que os praticantes de atividade física possam treinar com mais segurança nessas condições de clima seco.  Para ele, os cuidados devem ser tomados antes dos treinos. “As pessoas precisam escolher os melhores horários para os treinos para amenizar um pouco essas condições. Ou das 6 às 8 horas, ou treino no começo da noite, depois das 18 horas, é uma opção para evitar o sol e o calor intenso que acaba complicando ainda mais com a baixa umidade”.

O educador físico diz que a escolha de roupas também deve ser levada em conta.  “É preciso escolher roupas que ajudem a proteger dos raios ultravioletas, caso a pessoa vá treinar em área externa, exposto ao sol, e também que permitam a transpiração, de preferencia com cores claras. Para que o corpo possa se manter numa temperatura estável”.

E, claro, o que nunca pode faltar é a hidratação. Briani aconselha que os esportistas hidratem-se regularmente durante as atividades físicas. “Durante os exercícios oriento os alunos a tomarem pequenas quantidades de água. Beber regularmente água. Hidratação sempre é necessária, ainda mais nessas condições que estamos vivendo, com o clima tão seco. Dependendo da atividade física e da intensidade recomendo também ingestão de água de coco, que hidrata bem e também, em alguns casos, o uso de isotônico, com sais minerais para complementar. Tudo depende da intensidade e do caso especifico do aluno”.